sexta-feira, 27 de maio de 2011

PLANTAS QUE CURAM

MALVA
A malva é usada principalmente em afecções de garganta e ouvido, apesar de também auxiliar a Hortelã Pimenta na Sinusite, usada também na prisão de ventre e colite. É anti inflamatória para a garganta, expectorante e diurética. Também é ótima para inflamações de pele devido a picada de insetos.
ERVA DE SÃO JOÃO
A erva-de-são-joão é o remédio fitoterápico mais vendido no Brasil. O Hipericum perforatum, nome científico dessa planta, é usado como antidepressivo. Atualmente, há estudos contestando sua eficácia nesse campo, mas muitas pessoas com depressão ou desânimo e submetidas a tratamento com essa erva garantem que ela surte bons resultados.
ARNICA
A Arnica é uma planta com propriedades medicinais cicatrizantes, pode ser usada na cicatrização de ferimentos superficias, combate de hemorragias leves, além de contribuir como anti-inflamatório e anti-térmico natural. Várias espécies, como Arnica montana e Arnica chamissonis contém helenalina, uma lactona que é um ingrediente essencial em preparados antiinflamatórios provenientes de contusões. Em aplicações mais específicas, é também indicada para combater febres, hemorragias, desinterias, infecções renais, inflamações oculares, problemas circulatórios e cardíacos.
GERGELIN
As sementes de gergelim são ricas em manganês, cobre e cálcio (90mg de cálcio por colher de sopa para sementes integrais (não descascadas) e 10mg para sementes descascadas), e contém Vitamina B1 e Vitamina E. Elas contém um poderoso antioxidante, que também é anti-cancerígeno. Elas também contém fitoesteróis, que bloqueam a produção de colesterol. Os nutrientes do gergelim são melhores absorvidos se triturados antes do consumo.
CAMOMILA
A camomila é uma planta anual muito aromática, cresce de forma espontânea em campos. Começa a florir no mês de maio e as suas flores são colhidas na primavera. A camomila é uma planta medicinal, destinada em grande parte a problemas digestivos, nervosos e dores de cabeça. O seu Chá tem um sabor agradavel.
ALFAZEMA
Lavandula Officinalis, muito cheirosa, sempre usada para perfumar a casa e as roupas, todas as partes da planta são perfumadas. pode-se guardá-las secas em saquinhos de pano entre as roupas. A Alfazema é antimicrobiana e antipútrida. O chá de infusão é bom para : retenção de urina, gota, dores em geral, gases, dor de cabeça, enxaqueca, tontura, coqueluche, tosse, dor de garganta, digestiva. É uma erva calmante, boa para o cansaço. Ótimo chá para tomar após as refeições. O banho de alfazema é recomendado para crianças fracas e anêmicas
ARTEMÍSIA
A Artemísia é a principal erva do aparelho uro-genital feminino. Previne doenças, regulariza o ciclo menstrual, alivia as cólicas. Também é empregada para anemia, cólicas, debilidade do estômago, gastrite, menstruação deficiente, nervosismo, nevralgia. É uma excelente diurética, e por isso ajuda muito no funcionamento e na limpeza constante dos rins. Para prevenção e tratamento dos problemas femininos, usa-se a artemísia, com a tanchagem e o sabugueiro.
BARBOSA
Problemas digestivos, queda de cabelo, caspa, piolhos e lêndeas, inflamações, queimaduras e hemorróidas. Contra-indicações: No uso interno é preciso ter cuidado. Suas resinas irritam o estômago e o intestino, podendo causar cólicas, hemorragias e nefrites em algumas pessoas.
GUACO
A planta também conhecida como erva-de-serpentes, cipó-catinga ou erva-de-cobra, pertence à família das Compostas. O guaco (Mikania glomerata) é originário do Brasil e sempre foi muito conhecido pelos índios brasileiros, que usavam a planta para combater o veneno das serpentes (daí vêm alguns dos seus nomes populares). Ainda hoje, em algumas regiões do Brasil, o macerado das folhas é aplicado em forma de cataplasma sobre picadas de cobras e outros animais peçonhentos. Existe também a tradição de usar a planta fresca e nova (cujas folhas emanam um aroma intenso e agradável) para manter as cobras afastadas. Ele é muito indicada para os problemas do aparelho respiratório, por conta das gripes, resfriados, tosse e asma, já foi comprovada as suas propriedades medicinais e seu efeito broncodilatador/expectorante.
GERVÃO
Na medicina popular é utilizado nos problemas gastrointestinais, principalmente nas doenças do fígado, estômago, febres, prisão de ventre e diurético.
Na cultura afro brasileira, principalmente nas casas Jejê-Nagô o gervão é denominado de Ewé ìgbolé entrando nos rituais de folha sagrada, no preparo do abô e consagrado ao orixá Obaluaye.

CONFREI
Esta planta tem as seguintes propriedades medicinais: Adstringente, Antiinflamatória, Calmante, Cicatrizante, Emoliente, Hidratante, Higienizante e Regeneradora celular. Indicada para as inflamações de pele, manchas, irritações, acne, feridas e psoríase(inflamação crônica da pele).

COENTRO
Muito usado como: Anti-séptico, anti-espasmódico, excitante, estimulante e cicatrizante. Ele é tambem utilizado como um bom estimulante da mucosa grástrica, pelo que se utiliza no tratamento de doenças do sistema digestivo. Melhora as digestões lentas e a falta de secreção estomacal. Utiliza-se para o tratamento dos problemas de gases. Devido ao seu agradável sabor e ás suas qualidades anti-espasmódicas, inclui-se na composição de tisanas e purgantes, para prevenir a irritação intestinal. A nível externo utiliza-se pela sua acção analgésica em forma de loção ou pomada para tratar o reumatismo. Também muito utilizada na culinária.
CÂNFORA
A canfora tem propriedades terapêuticas anti-séptica, estimulante, excitante, anti-reumática, parasiticida, anti-nevrálgica, revulsiva, anestésico local, anti-térmica, anti-diarréica, anti-helmíntica, moderadora das secreções sudoral e láctea. Também muito indicada em contusões, dores musculares, reumatismo e frieira.
PATA DE VACA
O Chá de Pata de vaca é indicado no combate a diabetes, (para o pâncreas produzir mais insulina), reduz o colesterol, emagrecedor e diurético. Usado também para problemas no fígado, intestinos e estômago, rins, diarréias, impedindo o aparecimento de açúcar na urina, insuficiência urinária, prisão de ventre, nos casos de poliúria ou urina solta.
GENGIBRE
O chá de gengibre, feito com pedaços do rizoma fresco fervido em água, é usado no tratamento contra gripes, tosse, resfriado e até ressaca. Banhos e compressas quentes de gengibre são indicados para aliviar os sintomas de gota, artrite, dores de cabeça e na coluna, além de diminuir a congestão nasal e cólicas menstruais.
BARDANA
Esta planta tem propriedades terapêuticas Depurativa, diurética (eficaz eliminador do ácido úrico), colerética, laxativa, diaforética, anti-séptica, estomáquica, anti-diabética, atua nos casos de insuficiência hepática, dermatoses, antibiótico externo principalmente para bactérias gram-positivas. Suas indicações terapêuticas: Purificador do sangue, afecções reumáticas, queda de cabelo, picadas de insetos, torções, hemorróidas, enfermidades crônicas da pele, acnes, eczemas, pruridos, seborréia da face, herpes, vesícula inflamada, cálculo biliar, hepatite viral e cirrose.
TANCHAGEM
Expectorante, antidiarréico(folha), cicatrizante, adstringente, emoliente e depurativo. Usada no tratamento das inflamações bucofaringeanas, dérmicas, gastrintestinais e das vias urinárias. As sementes são laxativas.
Parte superior do formulário
GUINÉ
Ela é usada nas afecções da cabeça, da vista, contra falta de memória, reumatismo, paralisia, estados nervosos. Ela também é muito utilizada pelos seus poderes analgésicos, mas apenas em uso externo. O pó da raiz da guiné tambem ameniza a dor de dente. É usada em vasos nas portas das casas para proteção. Não se pode usar a guiné internamente, pois é tóxica e abortiva.
COMIGO NINGUEM PODE
Essa tradicional espécie tambem possui uma beleza peculiar: suas folhas manchadas quebram a hegemonia verde e transmitem paz por meio das nuanças brancas. Sua principal função é afastar os fluidos negativos e proteger o lar contra vibrações ruins que possam entrar sem serem convidadas. Apenas é preciso ter um certo cuidado com essa planta, pois ela possui substancias tóxicas, portanto, evite que as crianças e animais manipulem suas folhas. Não é utilizada para fins medicinais.
ARRUDA
Ela tem propriedades antinervosas e vermífugas, atraso da menstruação, expectorantes, tosses, dificuldades respiratoria, diurética, doenças dos rins e do bafo, dores estomacais, cãibras, regulador da menstruação e cólicas menstruais. As mulheres gravidas não devem consumir. No mundo espiritual serve para combater o mau olhado.
ALECRIM
O alecrim é considerado um poderoso estimulante natural, favorece as atividades mentais, expande a vitalidade para o trabalho, fortalece os musculos dos corações, relaxante muscular e fornece ânimo para a execução das tarefas diárias. Também muito utilizada na culinária por seus odores aromáticos.
ESPADA DE SÃO JORGE
Suas folhas em forma de lança, expulsa todos os espíritos negatívos que rondarem o seu lar e atrai prosperidade e a fartura. A Espada de São Jorge também requer cuidados especiais, pois é também uma planta que traz substâncias tóxicas. Lave sempre as mãos ao tocar suas folhas.
MANJERICÃO
Além das propriedades gastronômicas (é um dos principais temperos da cozinha italiana), o manjericão atua diretamente sobre o estado de espírito, proporcionando paz e tranquilidade. É indicado, também, para acalmar as tensões do dia-a-dia, afastar os pensamentos negativos e evitar a depressão. O odor suave e agradável dessa planta deixa uma aura de frescor no ar, elevando o astral e alegrando a vida das pessoas que passarem perto dela.
PIMENTA
O poder estimulante dessa planta auxilia em casos de falta de ânimo e desmotivação. Mais conhecida por suas propriedades afrodisíacas, a pimenta também ajuda a manter acesa a chama da paixão em um lar, propagando as boas energias do amor e do desejo. A planta protege contra o mau-olhado, espanta os fluidos negativos e espalha vibrações benéficas.
MASTRUZ
A erva é usada internamente para tênia e outros pequenos parasitas, disenteria por ameba, asma e catarro. Externamente é usada para pé-de-atleta e mordida de inseto. Tambem utilizada nas esquimoses, contusões, nas afecções das vias respiratórias, rouquidão, catarros crônicos, bronquites, angina, asma, tosse e infecções pulmonares. Externamente é um otimo cicatrizante.
ESPINHEIRA SANTA
Espinheira-santa, além de indicada contra vários males do aparelho digestivo, era muito usada no passado pelos índios brasileiros com outra finalidade: eles usavam suas folhas no combate a tumores (esse uso pode ter gerado um dos seus nomes populares - erva-cancerosa).
EUCALIPTO
Árvores e em alguns raros casos, arbustos, nativas da Oceania, onde constituem de longe o genero dominante da flora. Adaptados a praticamente a todas as condições climáticas, os eucaliptos caracterizam a paisagem da Oceania de uma forma que não é comparável a qualquer outra espécie, noutro continente. Indicada para o tratamento da asma, bronquite, sinusite, gripes, cistites, nevralgias e balsâmico.
SETE SANGRIAS
Sete Sangrias é indicado para arteriosclerose, depurativo, hipertensão, palpitações do coração, insônia, colesterol, circulatória, psoríase, dermatite de contato e afecções da pele em geral.
AGRIÃO
Tem alto potencial de sais minerais como Iodo, Enxofre, Fósforo e Ferro. Eles são importantes para o funcionamento da glândula tireóide, ajudam na formação de ossos e dentes, evitam a fadiga mental e estão ligados à produção de glóbulos vermelhos do sangue.
O agrião combate a ácido úrico, a tuberculose, o raquitismo, a formação de pedras nos rins, as cistites e ainda os efeitos tóxicos da nicotina. Como um dos produtos mais ricos da natureza, o agrião é digestivo, faz bem ao fígado, é diurético e bom para os diabéticos.

BOLDO
O boldo traz benefícios principalmente para o fígado. Ajuda-o a trabalhar melhor, e é ótimo para quem tem hepatite ou problemas freqüentes ligados ao fígado, como dor de cabeça, suores frios e mal estar. O boldo, tomado antes das refeições ajuda na digestão e nas funções do aparelho digestivo. É ótimo para quem tem intestino preso, cálculos biliares e gastrite. Também é muito bom para insônia.
MELISSA
Conhecida popularmente como melissa, erva-cidreira verdadeira, melissa romana ou chá da França, a Melissa officinalis é comumente confundida com outra erva, também medicinal.
No Brasil, existem inúmeras plantas conhecidas pelo nome comum de "erva-cidreira", mas é com uma outra erva medicinal - o capim-limão ou "lemon-grass" (Cymbopogon citratus) - que a confusão é maior. Existem até folhas secas de capim-limão embaladas e comercializadas com o nome de erva-cidreira, para o preparo de chás calmantes.

HORTELÃ
As folhas de hortelã exercem ação tónica e estimulante sobre o aparelho digestivo, além de possuir propriedades antisépticas e ligeiramente anestésicas . Alivia também as dores de cabeça e dores das articulações. Ligeiramente vermífugo (lombrigas e oxíuros), calmante, é também um bom chá para gripes e resfriados. Combate cólicas e gases, aumenta a produção e circulação da bílis. Favorece a expulsão dos catarros e impede a formação de mais muco.
LOSNA
A Losna é empregada para eliminar vermes, cólicas, diarréias, envenenamentos, intoxicação, catarro pulmonar, inapetência em crianças, afecções gástricas, hepáticas e renais, gripe e mau hálito. A Losna também é usado como energetico. superior do formulário
ALHO
O alho é empregado no tratamento de doenças do sistema respiratório, além do seu potente efeito antibacteriano, antifúngico, anticancerígeno, hepatoprotetor, viril, hipolipidêmico e antiagregante plaquetário. Além disso, o alho é utilizado popularmente como amuleto de proteção e boa sorte, que mantém a família unida e protegida das más influências.O Alho deve ser consumido cru, pois após ser aquecido ou transformado, perde ou transforma as suas propriedades benéficas.
OLIVEIRA
O chá das Folhas de Oliveira têm sido usado desde os tempos antigos com propósitos medicinais, e novas pesquisas mostram que tem propriedades antibacterianas, antiinflamatórias, antioxidantes, colesterol, hipertensão e radicais livres.
CARQUEJA
A carqueja, é utilizada em forma de chá, em caso de anemia, cálculo biliar, diarréia, problemas do baço, da bexiga, combater os males do fígado, dos rins, má digestão, má circulação sanguínea, inflamação das vias urinárias, diabetes, menopausa da mulher, desintoxica o organismo, usado tambem para bronquites, resfriados, afecções de garganta e do peito, reumatismo, varizes, câimbras, elimina a gordura gradativamente, doenças da pele e restaurador do funcionamento do estomago, intestino, figado e vias urinárias.
ABRE CAMINHO
Nas formas de banho de defesa, sacudimento e defumação, com o principal objetivo de abrir os caminhos seja no trabalho ou na vida pessoal.
Os pós feitos de suas folhas secas e triturados servem para misturar no pó de pemba ou pó de abre caminho.
Também se usa a folha seca no meio da carteira profissional ou da carteira (a exemplo do acocô) e o correto é devolver a folha de onde foi retirada.
Pertence ao orixá Ogum.
AMOREIRA
A chá de amora tem ação: sedativa, expectorante, refrescante,
emoliente, calmante, diurética, antidiabético, antiinflamatória, tônica, inapetência, prisão de ventre, inflamação da boca, febre, diabetes, dermatoses, eczema, erupções cutâneas.
É conhecida como a planta REGULADORA DOS HORMÔNIOS por isso atua com bastante eficácia nos sintomas da menopausa: ressecamento da vagina, irritação, ansiedade, nervosismo, memória fraca, dores musculares e das articulações, calores e algumas vezes suores frio, dor de cabeça, diminuição da libido, dificuldades para dormir, depressão, problemas urinários. É ainda planta anti-cancerígena, no combate a osteoporose, como tônico muscular nas práticas desportivas, por possuir alto teor de potássio.
Depurativa do sangue, anti-séptica, vermífuga, digestiva, calmante, diurética, laxativa, refrescante, adstringente e muito útil nos problemas da tireóide. Possui poderosas propriedades anti-oxidantes por sua combinação de vitaminas C com E contribuindo assim para o rejuvinescimento e beleza da pele. A amora ajuda a prevenir infecção
urinária, reduzir o risco de úlcera e câncer no estômago. Os japoneses substituem a água por chá de amora, talvez aí esteja o segredo da longevidade e saúde.


DOURADINHA
Muito indicada para o: reumatismo, ácido úrico, depurativo, gota e cistite, diurético, emagrecedor e estimulante, cólicas renais, pressão arterial, rins, cistite crônica, dificuldades em urinar, afecções pulmonares e blenorragia.


DENTE DE LEÃO
O Dente de Leão é usado há muitos séculos como a erva das doenças crônicas hepáticas. É muito usado para diabetes, é cardiotônico, e estimulante das glândulas linfáticas. Também é usada em quem tem hemorróidas, é ótima para gota e artrite, e a perfeita erva para quem tem muitas cáries.
SUCUPIRA
A Sucupira é usada no combate a úlceras, gastrites, ácido úrico, aftas, amidalite, artrite, artrose, asma, blenorragia, dermatoses, dor espasmódica, diabete, rouquidão, sífilis, hemorragias, vermes intestinais, além disso, é anticancerígeno e combate as inflamações no útero e ovário. Também utilizada para as articulações.
ZIMBRO
O Zimbro possui ação digestiva, tônica, carminativa, febres, cálculos renais, ciática, estimulante, diurética, e também pode ser utilizada para reumatismo e halitose.
NOGUEIRA
As propriedades terapêuticas adstringente, antiparasitária, tônica, depurativa, hipoglicemiante, antianêmica, antiraquítica, antirreumática, antidiarrêica, eupéptica, antiastênica, antibiótica, cicatrizante, anti-sifilítica, antiflogística, antisséptica.
Indicações terapêuticas Útil aos tuberculosos em geral, mal de Pott (tuberculose óssea), psoríase, herpes, eczema, diabete, corrimento vaginal, feridas, ulcerações.
QUEBRA PEDRA
A folha do quebra pedra é muito utilizada nas infecções urinárias, dores lombares, corrimento, cálculos renais e biliares.
ANIZ – ESTRELADO
O chá realizado com o anis-estrelado, além de saboroso e aromático, age como estimulante gastrintestinal no combate a azias, cólicas estomacais e catarros crônicos.
CATUABA
Catuaba – Erythroxilum catuaba, tem ação estimulante no sistema nervoso, fortalecendo as pessoas esgotadas física e mentalmente. Sua ação tonificante é muito usada para o tratamento de impotência sexual.
CAVALINHA
A Cavalinha é uma erva que permite fazer um chá medicinal bem eficaz como diurético, antiinflamatório, adstringente genito-urinário e evitalizante. A Cavalinha age sobre as fibras elásticas das artérias, o que eventualmente, auxilia a diminuição do colesterol. Ela age de maneira específica na inflamação da próstata e é um ótimo auxiliar na cicatrização.Indicações: Arterosclerose – Afecções de pulmões – Hemorragias renais – Inflamação e edema da próstata – Menstruação excessiva; Hipertensão.
AVELÓS
Avelós (Euphorbia tirucalli), planta muito comum no Nordeste do Brasil, tem propriedades anticarcinogênicas, antiasmáticas, antiespasmódicas, antibióticas, antibacterianas, antiviróticas, fungicidas e expectorantes. Também é purgativo e anti-sifilítico.
A parte usada da planta é o látex, que quando puro irrita a pele e os olhos (por isso deve-se manter o avelós longe de crianças e animais), mas dissolvido em água o látex é indicado para tratamento de tumores cancerosos e pré-cancerosos.
O látex puro é perigoso para os olhos, podendo até cegar, e também pode provocar hemorragia.
LOURO
A folha de louro tem propriedades terapêuticas analgésica, antineuvrálgica, anti-séptica, antiespasmódica, aperiente, adstringente, carminativa, colagoga, diurética, emenagoga, febrífuga, hepatoestimulante, inseticida, estimulante geral, etc.
Indicações terapêuticas Estimula o fluxo urinário, alivia a dor reumática e dores em geral, contusões, bronquites, tira manchas e cicatrizes da pele, regulariza o fluxo menstrual, agiliza o parto, aumenta ação da insulina, diminui vertigens, tonifica o couro cabeludo.
MELÃO DE SÃO CAETANO
Melão de São Caetano, é bastante utilizada para combater febres, leucorréia, menstruação difícil e cólicas verminosas. Nos banhos pode combater a sarna e a eczemas.
COLORAU
No livro Plantas Medicinais, podemos ler: "Urucum, colorau - O pó da semente é um bom condimento para dar cor ao arroz. Chá das sementes tem bom efeito nos males do coração, prisão de ventre, hemorragias, afecções do estômago, como expectorante e males do peito. É contra veneno da mandioca brava, antídoto do ácido cianídrico. Os índios o usavam para se pintar e, com isso, se defender contra picadas dos mosquitos"
É utilizado como expectorante, atua contra bronquite, faringite e inflamação nos olhos, e ainda funciona como laxante.

NOZ – MOSCADA
NOZ-MOSCADA, tem propriedades afrodisíaca, antiinflamatória, digestiva, diurética, emoliente, sedativa, tônica, asma, soluço, cólicas, diarréia, aftas, problemas de estomago, estimula o cerebro e disfarça o mau hálito.
CRAVO
Tem poder analgésico, anestésico e digestivo. Quando mastigado, ajuda a melhorar o hálito.
Usado em loções e vaporizações para limpeza da pele do rosto, em produtos de higiene bucal para fazer assepsia e promover um hálito agradável, em banhos de imersão aromáticos e águas perfumadas. É também eficaz no combate à acne. O óleo pode ser usado para massagear músculos doloridos, para suavizar estrias e é eficaz no tratamento de unhas quebradiças, rachadas ou fracas e de calosidades. Usado na elaboração de pomadas para remoção de verrugas. Ainda na forma de pomadas e cremes, alivia a coceira e o inchaço das picadas de inseto.É também utilizado em xampus e loções capilares que limpam e auxiliam o crescimento dos fios.

AÇAFRÃO
Ela tem propriedades digestivas, equilibra as funções do intestino e pode aliviar as dores menstruais. O chá da raiz, quando esfregado nas gengivas do bebê, serve para aliviar a dor dos dentinhos nascendo.
BANCHÁ
Diurético, melhora a digestão, "limpa" o fígado, ajuda no processo de emagrecimento e tem substâncias antioxidantes
ESTRAGÃO
Tem efeito digestivo, alivia gases intestinais e é um ótimo anti-séptico do tubo digestivo.
AIPO
É rico em potássio, excelente alimento para atletas, ajuda no controle da pressão arterial, tem efeito diurético, calmante e é anticancerígeno.
Ipê Roxo
O Ipê-Roxo é tido como um poderoso auxiliar no combate a determinados tipos de tumores cancerígenos. É usado também como analgésico e como a Antibiótico natural, ficou famoso por suas propriedades analgésicas e anticoagulante é ainda indicado em casos de bronquite, asma e arteriosclerose.
ROSA MOSQUETA
É indicado no tratamento de pele danificada por tratamento radioterápico, quelóides, cicatrizes grossas, cicatriz hipertrófica e hipercrômica, queimadura, quelóide, regeneração da pele, prevenção de estrias principalmente em gestante ardas, resfriados, queimaduras, diarréia.
PAU DÁGUA ou PEREGUM
Uma erva de uso extremamente ritual difere em suas cores para diferenciar os orixás que pegam cada uma delas e são extremamente apreciadas para rituais de sacudimento, acompanhadas de outras ervas ou não, muito utilizadas também em banho de amaci ou que antecedem cada trabalho de seu respectivo orixá.
Formas de uso: Banho de sacudimento.
Orixás: De acordo com as cores, sendo verde de ogum, verde e amarelo de Oxossi e Logunedé, verde e branco de Ossain, vermelho de Oia e Xangô.
O Peregum vermelho (Xangô e Oya) também é chamado de folha de fogo. Não possui fins medicinais.
DENTE DE LEÃO
Suas raízes serve para purificar o sangue, reumatismo, diurético, laxante, facilitar a digestão, estimular o apetite, estimulante das glandulas linfáticas, hemorróidas, gota e artrite obstipação. Já as folhas pode ser usadas para hipertensão e deficiência cardíaca.
AMEIXEIRA
AMEIXEIRA "Prunus Doméstica", tanto as folhas como o fruto, servem para soltar o intestino e regularizar as funções digestivas. Como consequência melhoram a pele.
ACEROLA
Rica em vitamina C, também apresenta teores significativos de minerais como Ferro, Cálcio e Fósforo.
Facilita a absorção de ferro ajudando a prevenir a anemia ferropriva (falta de ferro).
Participa de diversas funções fisiológicas: Síntese do Colágeno, (rejuvenescimento da pele), fortalece as gengivas, previne cáries dentárias, antioxidante.
Combate os radicais livres produzidos peio organismo devido ao fumo, stress, má alimentação e resíduos alimentares.
Previne resfriado, por estimular o sistema imunológico e distúrbios da coagulação sanguínea e lesões hepáticas.
CAJUEIRO
O caju é riquíssimo em vitamina C (seu teor é bem maior que o da laranja). Contém ainda vitamina A e do complexo B. Também é rico em proteínas, lipídios, e carboidratos. É ainda uma boa fonte de sais minerais como cálcio, fósforo e ferro, além de zinco, magnésio, fibras e gordura insaturada, que ajudam a diminuir o nível de colesterol no sangue. O caju tem ainda quantidades razoáveis de Niacina.
Por ser rico em fibras, o caju é indicado para aumentar a movimentação intestinal.
ARAÇÁ
Araçá: As folhas são aplicadas em quaisquer obrigações de cabeça e nos abô. Usada de igual sorte nos banhos de purificação. O povo indica esta espécie como um energético adstringente. Cura desarranjos intestinais e põe fim às cólicas. Usam-se folhas e cascas em cozimento.
Beterraba
Doenças cardíacas, câncer de cólon, redução do colesterol sérico, leucemia, defeito do tubo neural em crianças, anemia, doenças causadas por tóxicos e poluição.
CORDÃO DE SÃO FRANCISCO
O cordão faz parte de uma série de trios para bronquite, asma e infecções pulmonares. Limpa os pulmões e reduz o catarro pulmonar.
Também é utilizada para artrite e gota, acúmulo de ácido úrico, para quem elimina pouca urina, cistite, gases e dores abdominais.
É usada tambem para nevralgias.
Deve ser ministrada em crianças que estão saindo de doenças debilitantes, pois aumenta os glóbulos vermelhos no sangue, e a capacidade de resistir as doenças.
Maracujá
O maracujá é uma boa fonte de carboidratos. Contém vitaminas A e C, além de vitaminas do complexo B. É rico em minerais como cálcio, fósforo e ferro.
Ele tem tem propriedades depurativas, calmantes, sedativas e anti-inflamatórias. Suas sementes atuam como vermífugos. Por essas características, está incluído na monografia da Farmacopéia Brasileira.
AGONIADA
- casca: afecções estéricas, asma, clorose, doenças da pele, ingurgitamentos ganglionares, linfatites, regular menstruações, sífilis;
- látex da casca: febres intermitentes;
- flores: aumentar o leite materno, cólicas menstruais e uterinas, inflamações e congestão do útero e ovários, indisposições nas épocas menstruais, regularizar as menstruações, restaurar as forças dos órgãos genitais debilitados;
- folhas: adenite, amenorréias, asma, atonias gastro-intestinais, bronquite crônica, catarros crônicos, cólicas menstruais, cólicas uterinas, corrimentos vaginas, crise histérica, depresão, dismenorréias, doença de pele, espasmo, febres intermitentes, gânglios supurados, gases, inflamações de útero e ovários, ingurgitamentos gangrenares, irregularidades menstruais, menstruações difíceis, prisão de ventre, restaurar as forças dos órgãos genitais debilitados, vermes;
- toda a planta: depressão, cólicas uterinas, inflamações do útero, cólicas menstruais.
Parte utilizada: casca, látex da casca
ALAMANDA
Outros nomes populares: alamanda-de-flor-grande, alamanda-de-flor-grande-amarela, buiussu (Belém), camendará, cipó-de-leite, comandara, comandau, dedal-de-dama, orélia, orélia-grandiflora, purga-de-quatro-pataca, quatro-pataca, quatro-pataca-amarela, santa-maria (Amazonas), sete-pataca; common allamanda, yellow allamanda (inglês); monette jaune, orélie de guyane, grelie, liane à lait; (francês); canário e cantiva (espanhol).
Propriedades medicinais: antitérmico, antitussígena, catártica, emética, hidragoga, laxante, purgativa, vermífuga.
Indicações: afecção do baço, cólica, cólica dos pintores, febre, intoxicação saturnina, piolho, sarna, tosse, vermes intestinais.
Parte utilizada: folhas, flores, látex, raiz.
TER MUITO CUIDADO POR SER UMA ERVA TÓXICA.
BELDROEGA
Utilisada na purificação das pedras de Exu. O povo utiliza suas folhas, socadas, para apressar cicatrizações de feridas.
PAU - D'ALHO
Na medicina caseira ela é usada para exterminar abcessos e tumores. Usa-se socando bem as folhas e colocando-as sobre os tumores. O cozimento de suas folhas, em banhos quentes e demorados, é excelente para o reumatismo e hemorróidas.
Parte superior do formulárioParte inferior do formuláParte superior do formulárioParte inferior
ORA-PRO-NOBIS
Ora-pro-nobis: É erva integrante do banho forte. Usada nos banhos de descarrego e limpeza. É destruidora de eguns e larvas negativas, além de entrar nos assentamentos dos mensageiros Exus. No uso caseiro, suas folhas actuam como emolientes.
FIGO BENJAMIM
Figo Benjamim: Erva muito usada na purificação de pedras ou ferramentas e na preparação do fetiche de Exu. Empregada, também, em banhos fortes para pôr fim a padecimentos de pessoa que esteja sofrendo obsidiação ou obsessão. O povo aplica o cozimento das folhas para tratar feridas rebeldes, e banhos para curar o reumatismo.
QUARESMEIRA
Esta arboreta tem aplicação em todas as obrigações de cabeça, nos abô e nos banhos de limpeza e purificação dos filhos da deusa das chuvas. Durante o ritual toda a planta é aproveitada, exceto a raiz. A medicina caseira a indica nos males renais e da bexiga, em chá.
QUITOCO
Quitoco: Usada em banhos de descarrego ou limpeza. Para a medicina popular esta erva resolve males do estômago, tumores e abcessos. Internamente é usado o chá, nos tumores aplica-se as folhas socadas.
Parte superior do formulárioParte inferior do formulárioParte superior do formulárioParte inferior do formulárioPANACÉIA
As folhas torradas substituem o chá da índia, é calmante do coração, as folhas frescas são forrageiras. desobstruir o fígado, provocar suor, depurar o sangua doenças de pele e reumatismo.
BARBA DE VELHO
Também conhecida como barba-de-pau, samambaia, barba-espanhola, barba-de-macaco, barba-de-pai-ventura, barba-de-pau, cabelos-do-rei, camambaia, crina-vegetal, erva-dos-bardonos, samambaia-de-norte, hirahuasso.
Indicações medicinais: adstringente, anti-hemorroidal, anti-reumática, colagoga, dores e inflamações no reto, engorgitamento do fígado, hérnias, úlcera varicosa e varizes.
JURUBEBA
A jurubeba (Solanum paniculatum L) é uma planta medicinal de sabor amargo, comum em quase todo o Brasil.
A infusão do seu caule e da sua raiz em álcool de cana (cachaça) é popularmente utilizada como aperitivo e como digestivo.
O seu chá é muito utilizado como tônico cardiovascular, estimulante do apetite, do fígado (colagogo) e do baço, contra problemas da digestão, diurética, diabetes, antianêmica, febrífuga e cicatrizante.
É também utilisada em diversos rituais religiosos.
GINKGO BILOBA
É indicada para aumentar a circulação do sangue e o oxigênio para o cérebro, deste modo inibindo a perda de memória, sem haver nenhum efeito colateral na administração de qualquer dosagem, também usado no tratamento da má circulação dos pés e mãos, varizes e problemas nas pernas, como também bronquite e tosse, nos problemas de artrite e reumatismo, problemas oftalmológicos causados por má circulação e pode aliviar a tensão e a ansiedade, recomendado para aqueles que sofrem de falta de energia, tonturas, fadiga mental, mãos e pés frios e inchaços no corpo.
Produz energia mental, melhorando a falta de memória; ativa as funções mentais e retarda a perda de audição na velhice.
Protege o organismo contra o efeito das toxinas do meio ambiente, contra estresse.Usado para sintomas da asma, alergias comuns e aumenta a imunidade contra doenças elementares.
ESTORAQUE
Estoraque Brasileiro: Sua resina é colhida e reduzida a pó. Este pó, misturado com benjoim, é usado em defumações pessoais. Essa defumação destina-se a arrancar males. O povo aconselha o pó desta no tratamento das feridas rebeldes ou ulcerações, colocando o mesmo sobre as lesões.

2 comentários:

  1. Muito bom este site e recomendado muitas ervas medicinais.

    ResponderExcluir
  2. Bom esse site; apesar das crendices religiosas, tem muita ciência...

    ResponderExcluir